terça-feira, 8 de maio de 2012

Tem dias que não sei se vou aguentar. Tem outros que tenho a certeza que sim.
Faz-se um nó na minha cabeça só de pensar nisto. Quando não penso consigo perceber que não me aquece nem arrefece. Quando penso faz-me pensar se vou aguentar.

Não me importo com nada ao mesmo tempo que penso que posso estar a empatar. Ou ao mesmo tempo que me sinto num triângulo não amoroso. Falta muito para que tudo fique resolvido. 
É tarde de mais para fugir. Nem quero, é um facto. 

Confesso que me sinto confusa. Sem saber em que posição me coloco e colocaram.
Confesso que hoje sim senti-me sem saber muito bem "onde estou, quem sou, para o que vim, para o que vou... se fico se fujo".

Mas onde há amor...

1 comentário:

Margarida disse...

há esperança e dias felizes :)